22/07/14

Enroladinhos de Salsicha - E uma notícia muito importante!


Eu não sou muito fã de salsicha, mas mesmo assim esses enroladinhos me conquistaram. Os meus ficaram ótimos mas deêm uma olhada nos da Akemi AQUI. É muito amor conseguir fazer pãezinhos tão lindos como estes não é mesmo? A massa é muito boa de se trabalhar. Super fofinha e deliciosa mesmo no outro dia. Será minha próxima receita para levar num futuro café no trabalho. Quem tem MFP tem uma facilidade a mais, mas se você não tiver, faça do mesmo jeito que tenho certeza que ficará igualmente delicioso.

PS:) Gostaria de compartilhar uma notícia muito legal com todos que me acompanham aqui no blog. Vou me casar :) Casar casadinho de papel passado mesmo!! Eu e meu companheiro já moramos juntos, mas sentimos que estamos prontos para dar mais este passo em nossa vida. Quero agradecer imensamente o apoio e amor de todos os nossos amigos e familiares. Definitivamente somos pessoas abençoadas por termos tanta gente maravilhosa conosco. Será dia 13 de agosto olha só que pertinho oO. Acho que isso explica um pouco minha ausência no blog de meus queridos amigos nessas últimas semanas. Bom, mas é por uma boa causa né?! Mesmo com os preparativos para o casamento, vou continuar trazendo receitas maravilhosas, afinal a cozinha da gente não para nunca kk.


Enroladinhos de Salsicha
(Receita do Pecado da Gula)

Ingredientes
Massa
1/2 xícara de leite morno
1 ovo
1 colher de sopa de margarina
1 colher de sobremesa rasa de sal
1 colher de chá rasa de açúcar
250g de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento seco para pão

Recheio
5 salsichas aferventadas partidas ao meio

Preparo
Massa: Coloque todos os ingredientes na cuba da MFP. Ligue no ciclo massas. Eu não esperei o ciclo completo, tirei na metade do tempo e depois deixei crescer, coberto com um pano dentro do forno desligado, até dobrar de volume. Divida a massa em 10 porções. Faça uma "cobrinha" com cada porção e enrole em volta de cada metade de salsicha . Pincele o ovo batido, salpique orégano e deixe crescer por mais 30 minutos. Leve ao forno 180/200° preaquecido por 30 minutos ou até dourar.

Pulo do Gato: Enrole junto com a salsicha meia fatia de queijo prato ou mussarela. Vou testar assim da próxima vez. Se quiser mais (e você vai querer acredite) dobre a receita. Eu tinha poucas salsichas então fiz bem pouquinha massa.

17/07/14

Sorvete + Biscoto = Sobremesa Fácil e Deliciosa


Último post sobre o dia dos namorados passado. Lembram que comentei que estava pensando em fazer tiramisu de sobremesa? Pois mudei os planos de última hora e de improviso nasceu essa delicia aqui. Olha a "receita" gente: Sorvete + Biscoito quebrado + Calda de chocolate. Não precisa de mais nada né? Sobremesa ótima para um almoço apressado ou para aquelas visitas formiguentas que também adoram doce. Usei biscoito Negresco nosso oreo tupiniquim e um sorvete novo da Nestlé também de Negresco. É muita gordice para uma receita só *_*. Imagina isso na versão KitKat? #valhamedeus.

Sorvete + Biscoito

Ingredientes
1 pote de sorvete (usei o Negresco da Nestlé)
2 pacotes de bolacha recheada quebrada grosseiramente (usei Negresco)
Calda de chocolate (usei 1/2 barra de chocolate meio amargo derretido + 1 caixinha de creme de leite)

Preparo
Em cumbuquinhas ou potinhos pequenos, monte camadas com tudo isso aí em cima, sirva e seja feliz :)

Pulo do Gato: Retire o sorvete uns 10 minutos do freezer antes de montar a sobremesa. Se quiser, use calda de sorvete comprada pronta.

09/07/14

Bruschettas com Tomate Confit


Lembram daquele jantar de dia dos namorados que comentei outro dia? Tenho que confessar que a estrela que roubou a cena do jantar foi esse confit de tomate. Sério. O macarrão carbonara pareceu até sem graça depois dessa entrada. É o acompanhamento perfeito para torradinhas ou, para sermos mais chiques, bruschettas. O sabor adocicado do tomate, temperado com bastante alho e ervas.. Uma das melhores receitas que fiz e comi nos últimos tempos. Já está marcada para ser levada na próxima reunião "da firma" e arrancar os mais sinceros elogios. Já fiz estes tomates duas vezes nas últimas semanas. Na primeira usei tomate sweet grape e na segunda usei tomate italiano picado em quatro, sem sementes. Com ambos a receita ficou maravilhosa. Usei folhas de louro e manjericão mas você pode usar as ervas que mais gostar. Quero muito experimentar tomilho e orégano fresco. Receita para ser colada na porta da geladeira de tão boa. Quem comer vai pedir bis, pode apostar. Na semana que vem trago a sobremesa do dia dos namorados - que não foi o tiramissu, mas também é deliciosa :)


Bruschettas com Tomate Confit
Adaptada daqui

Ingredientes
Tomate Confit
300g de tomate cereja ou sweet grape
5 ou 6 dentes de alho grandes descascados
2 folhas de louro
10 folhas de manjericão fresco
1 colher de chá cheia de sal
1/2 colher de chá de açucar
1 colher de chá de pimenta calabresa
Azeite o quanto baste (1 xícara + ou -)
Pimenta do reino moída a gosto

Bruschettas
Uma baguete ou pão italiano em fatias
1 dente de alho
Azeite a gosto
Folhinhas de manjericão fresco para decorar

Preparo
Confit: Misture todos os ingredientes em um refratário. Coloque azeite até chegar à 1/4 da altura. Leve ao forno em fogo bem baixo (a menor temperatura do seu forno) por cerca de 1 hora e 30 min. Mexa delicadamente na metade do tempo.
Bruschettas: Esfregue o dente de alho em todas as fatias de pão, regue com azeite e leve ao forno alto por 5 minutos. Para ficar crocante porém sem dourar. Sirva acompanhada com os tomates e uma folhinha de manjericão para decorar.


Antes de ir para o forno :)

Pulo do gato: Eu amassei com um garfo no final. Para mim foi melhor de servir e os sabores se misturaram mais ainda. Se quiser, pode bater com mixer também. Não coloque mais do que 1/3 de azeite porque os tomates vão soltar bastante água quando cozinharem.

01/07/14

Risoto de Cogumelos


Viciei no risoto #prontofalei. Este é o segundo que aparece no blog mas em casa já pintaram umas quatro receitas diferentes. Eu adoro cogumelos e não resisti quando vi uma bandejinha linda deles a um preço suuper acessível no mercado. A textura deste risoto ficou mais cremosa, com um pouco mais de líquido do que os outros. Eu gostei bastante. Se você ainda estava pensando em uma receitinha diferente para o jantar de hoje, pode parar porque já encontrou. Minha próxima investida será um risoto com limão siciliano. Ou quem sabe com frango e bacon? Talvez com alho poró?.. Não consigo me decidir, então vou ter de fazer TODOS kk


Risoto de Cogumelos

Ingredientes
1 xícara de arroz arbóreo
1 cebola pequena picada
2 dentes de alho picados
1/2 colher de sopa de manteiga
1/2 xícara de vinho branco (opcional)
2 xícaras de cogumelos variados frescos picados (usei shimeji e paris)
1/2 colher de sopa de manteiga
sal e pimenta do reino a gosto
3/4 xícara de queijo parmesão ralado na hora
1 colher de sopa de manteiga gelada
2 colheres de sopa de cheiro-verde picado
Sal e pimenta do reino a gosto
800 ml de caldo de legumes (+ou-)

Preparo
Refogue os cogumelos em 1/2 colher de sopa de manteiga e tempere com sal e pimenta. (Pode acrescentar alho e cebola ao refogado se desejar). Reserve. Mantenha o caldo de legumes no fogo em uma panela à mão. Em outra panela, refogue a cebola e o alho em 1/2 colher de manteiga. Coloque o arroz e refogue por cerca de 5 minutos mexendo para não queimar. Acrescente o vinho branco e mantenha no fogo por mais alguns minutos até o álcool evaporar. Vá acrescentando aos poucos o caldo de legumes fervente, mexendo sempre. Á medida que for secando, vá colocando mais caldo. Quando o arroz estiver quase pronto, acrescente os cogumelos refogados. Vá provando a textura do arroz e colocando mais caldo até ele estar cozido. Para finalizar, misture o cheiro-verde, a manteiga gelada e o parmesão. Tempere com pimenta do reino moída, acerte o sal e sirva imediatamente.

Pulo do Gato: Se não tiver vinho branco em casa, pode fazer sem que vai ficar uma delícia de qualquer jeito. Cuidado com o sal, pois o queijo parmesão é bem salgadinho. Acrescente só no final do preparo, provando sempre claro, para não correr o risco de salgar demais.

21/06/14

Conchiglione Recheado de Frango, Requeijão e Espinafre


Lembra do jantar de dia dos namorados que comentei no post passado? Esta daqui era originalmente minha primeira opção de prato principal, mas acabei não conseguindo achar espinafre para reproduzir a receita novamente. Fazia muuito tempo que estava com vontade de provar essa massa. Tem uma apresentação tão bonita e chique né? Apesar de o jantar ter sido maravilhoso, lá no fundinho bateu aquele arrependimento de não ter repetido essa delícia. Acho que é a receita mais gostosa que fiz nos últimos tempos. Sério, ficou tão bom, que só de lembrar já me ataca a larica de fazer e comer mais. O recheio de frango ficou leve, cremoso e muito saboroso. O molho vermelho feito com tomate pelado deu um frescor muito bom. O conchiglione é bem versátil, você pode fazer infinitos recheios e infinitos molhos. Na próxima vez vou testar com este mesmo recheio e molho branco gratinado com parmesão. Quem aceita um pratinho?


Conchiglione Recheado de Frango, Requeijão e Espinafre

Ingredientes
100g de conchiglione

Recheio
1 xícara de frango desfiado (2 filés pequenos)
1 maço de espinafre cozido e picado
1/2 pote de requeijão (100g ou umas 4 colheres de sopa cheias)
Sal e pimenta do reino a gosto

Molho
1 lata de tomate pelado
1/2 cebola pequena
2 dentes de alho amassados
2 colheres de sopa de azeite
1 colher de chá de orégano
1 colher de sopa de cheiro-verde
Sal, pimenta do reino e pimenta calabresa a gosto

Parmesão ralado para polvilhar

Preparo
Cozinhe a massa conforme as instruções da embalagem. Ela deve ficar meio durinha pois vai acabar de cozinhar no forno.
Molho: Frite o alho e a cebola no azeite por alguns minutos. Acrescente os tomates, pimentas e deixe ferver por uns 10 minutos, mexendo de vez em quando. No final, acrescente o orégano, o cheiro verde e acerte o sal.
Recheio: Misture todos os ingredientes numa tigela. Recheie os conchigliones, cubra com o molho, salpique o parmesão ralado e leve ao forno 200° por 20 minutos.

Pulo do gato: Ao invés de cozinhar o espinafre em água eu coloquei numa panela em fogo baixo, tampei e abafei bem até murchar. Para facilitar, eu montei os cochigliones a noite, cobri com plástico filme e no outro dia só acrescentei o molho e levei ao forno para esquentar.